Entrevista com João Castelo Branco


A equipe do Blues Of Stamford teve o enorme prazer de entrevistar João Castelo Branco, correspondente da ESPN Brasil em Londres. Conversamos sobre Chelsea, novo Stamford Bridge, David Luiz e muito mais. A entrevista foi comandada por Gustavo de Araújo, via e-mail: 1) Como foi a sua adaptação em Londres? Não sente falta do Brasil? Vim para Londres muito jovem, com 10 anos de idade. Na época, demorou alguns meses para me adaptar e aprender inglês, mas era tudo uma aventura de criança. Hoje após quase 30 anos aqui, estou em casa, tenho bons amigos e mulher inglesa. Sinto falta do Brasil sim, especialmente nesta época do ano. O inverno aqui é muito longo e cansa. Saudade do sol!
2) Qual conselho você daria para quem está começando jornalismo, tendo em vista que teu ótimo trabalho te levou à Londres? Na verdade minha situação é diferente, eu cresci aqui e já estava em Londres quando comecei a trabalhar para a ESPN Brasil. Mas meu conselho é se dedicar ao que gosta. Ler bastante e acho cada vez mais importante ter boa noção de várias mídias e processos no jornalismo. No meu caso ser 'multi-função', me ajudou muito a crescer e ganhar espaço. Para ser correspondente isso é fundamental, pois acaba trabalhando com pouca estrutura.
3) Qual a visão aí de Londres em relação ao trabalho do Antonio Conte? É só olhar para a tabela. Não tem mais o que dizer. Tem sido fantástico. Todo mundo falava de Klopp e Guardiola, mas ele surpreendeu. Indo muito bem e sempre foi muito simpático e educado com a imprensa. Ele merecidamente está com muita moral aqui.
João  Castelo Branco elogiou a postura de Antonio Conte para com a imprensa local.
4) O esquema com 3-4-3 foi considerado uma novidade no futebol inglês? Foi revolucionário. Não é uma coisa nova, mas no início da temporada quase ninguém usava aqui, hoje vários copiam. E para o Chelsea está funcionado muito bem.
5) Acredita que o Chelsea possa ser o campeão inglês dessa temporada? Que fator o credenciaria para isso? O Chelsea já está com uma mão na taça. Essa semana é fundamental, se o Arsenal não ganhar do Chelsea fica muito difícil. O Liverpool não tem elenco suficiente para aguentar e já mostraram isso. O Arsenal é a mesma história de sempre, quando parece que vai, não vai. E o Tottenham está muito muito bem, mas acho que o Chelsea tem mais experiência, mais casca para ir até o fim e a diferença é muito grande.

LEIA MAIS:
6) Qual é a expectativa geral na cidade para com o novo Estádio do Chelsea? Ainda é algo muito distante, então não falam muito. Mas na região existe expectativa de ser algo bem legal. Ao mesmo tempo, preocupação em congestionar uma região meio apertada. Sem duvida é um projeto impressionante, pois o atual Stamford Bridge está muito apertado para o Chelsea em termos de capacidade e espaço para público e para imprensa trabalhar.
7) Sobre David Luiz, acredita que o futebol jogado no Chelsea possa levá-lo novamente à Seleção? Acho inevitável, ele está muito bem. Alguma hora merece uma nova oportunidade, falhou em um ou dois jogos na copa e foi crucificado. Mostrou no Chelsea que mudou e aprendeu, tem mais disciplina. Arrisca e erra muito menos. Está muito protegido neste esquema, mas não dá para negar que está bem e tem uma presença impressionante.
David Luiz vem sendo o principal nome da zaga do Chelsea na temporada.
8) Há alguma chance do Chelsea trazer algum jogador nessa janela de inverno? Janela fechou, Kenedy e Aké estão de volta no elenco, lucraram bem com o Oscar. O mais importante da janela foi manter o Diego Costa. Gigante em campo.
Em nome do Blues Of Stamford, agradeço ao grande João Castelo Branco pelo tempo dedicado à nós. Sucesso sempre!


Me sigam no Twitter: @odearaujog