Considerações importantes


Plena segunda-feira, 23h31, cá estou eu buscando criatividade para soltar um texto para o Blues Of Stamford antes que o terceiro dia da semana chegue. Em tempos de má fase, sorteio de UEFA Champions League e incertezas sobre a equipe, ainda me falta assunto para escrever sobre o Chelsea. 

Desta vez não há nenhum roteiro pronto, tampouco um assunto em mente. O momento pessoal não está tão bom, mas vou tentar escrever algumas centenas de palavras aqui e vamos ver se sai algo interessante para vocês.

A TEMPORADA
Com poucos reforços e com perdas importantes, o Chelsea iniciou 2017/18 jogando em formações diferentes das que estamos acostumados a ver desde a temporada passada. O famoso e vitorioso 3-4-3 foi substituído por outros esquemas táticos usados por Conte na busca de confundir adversários que já estavam aprendendo a jogar contra nós. 

Opinião pessoal: não deu certo. Não está dando certo. Desconsiderando que Morata não limpa a chuteira de Diego Costa e Bakayoko mais atrapalha do que ajuda, o time em si me parece muito mais dependente de Hazard do que em outras temporadas. 

LEIA MAIS:

O próprio 3-4-3 não funciona mais como temporada passada, o brilho da equipe não é o mesmo e o jogo não flui como antes. As alternativas encontradas por Antonio Conte até o momento não me parece ter dado tanto resultado. Quando o Chelsea vence nas outras formações é em bola parada, jogando por um ataque ou aproveitando erros fatais do adversário. 
Hazard torna-se uma das poucas coisas a serem comemoradas.
O QUE ESTÁ POR VIR
Com 14 pontos atrás do líder Manchester City, está proibido pensar em título. Ainda há as Copas e a Champions League, mas considerando que na última enfrentaremos o Barcelona, as esperanças diminuem em 70%. O principal no momento é voltar a jogar o bom e velho futebol da temporada passada. Quem sabe conseguindo aquela sequência invicta absurda que conseguiu em 16/17, possamos chegar próximo do atual líder do campeonato inglês, chegar com força nas outras competições nacionais e, quem sabe, dar um calor no Barcelona. 

BLUES OF STAMFORD
Chegou a parte em que mais me sinto tranquilo em comentar. Há 3 dias completei 3 anos no comando deste projeto. Com dificuldades normais, muito comprometimento e algum certo profissionalismo, completei um triênio. É tempo. Espero que 2018 seja melhor pra nós enquanto Equipe Blues Of Stamford, com o apoio de nossos milhares de seguidores e com uma certa dose de sorte. Coisas estão no papel quase prontas para sair dele e criar novas alternativas para vocês acompanharem o Chelsea com nosso olhar sempre muito crítico e diferenciado. Sigam conosco, o Blues Of Stamford precisa e crescerá ainda mais com vocês. 

Siga-nos nas redes sociais: