Gilmour assina com o Norwich para se desenvolver

Jovem volante do Chelsea assina por uma temporada com o Norwich, recém promovido à Premier League

Por Henrique Silva
Gilmour, na última temporada, teve apenas 11 presenças em jogos do Chelsea e foi emprestado para o Norwich City para a próxima temporada. O atual campeão da EFL Championship assegurou o destaque da Escócia, que foi homem do jogo na partida contra a Inglaterra, pela Eurocopa, no único jogo que jogou. Note-se que falhou a última partida, dado ter testado positivo à Covid-19.

Foto: Norwich FC

O bom relacionamento entre Thomas Tuchel e Daniel Farke foi um bom fator para a conclusão do negócio. Quando Tuchel treinava o time principal do Borussia Dortmund, Farke treinava o segundo. Inclusive, Farke já havia falado sobre Tuchel quando saiu do time alemão para “vestir” a camisa do Norwich, tendo inclusive dito que a decisão de sair (do Borussia Dortmund) não havia sido fácil de tomar, dado que tinha uma relação próxima com o staff da equipe, incluindo Thomas Tuchel - com quem tinha uma “relação brilhante”.


É uma situação na qual saem três partes vencedoras. Por um lado, Farke ganha um jovem muito inteligente com a capacidade de jogar como primeiro ou segundo volante, podendo distribuir o jogo e controlar a posse de bola sem perder o equilíbrio defensivo. Billy Gilmour terá tempo de jogo – que não teria se ficasse no Chelsea – em um contexto coletivo bem favorável, ganhando um ano para se desenvolver como jogador para, na próxima temporada, lutar por um lugar no meio-campo londrino. Por outro lado, o Chelsea (e Thomas Tuchel) “oferecem” tempo de jogo a Gilmour, dado que já têm três candidatos superiores para os titulares no meio-campo: Jorginho, Kanté e Kovacic.

Gilmour, assim, jogará num time onde não terá tanta pressão para brilhar e poderá melhorar alguns aspetos do seu jogo antes de retornar a Londres, sendo que o Chelsea poderá contratar outro volante para fazer parte da segunda unidade do time. Há, ainda, a possibilidade do Chelsea assinar com Declan Rice, volante titular da seleção inglesa, que já recusou duas propostas de renovação do West Ham.

Postar um comentário

0 Comentários